domingo, 28 de setembro de 2008

Bela aventura..

Então, tudo começou numa quarta-feira, em que a Sara me disse que precisavam do meu número. O que é que eu pensei? "Quem é que me quer bater?"

Mas não, nada disso. Acabaram por me ligar e do outro lado "Olá Joana, boa noite, qual é a tua disponibilidade para amanhã?" E a minha disponibilidade era total. "Então e estavas disposta a alinhar nesta aventura? Sábado ires cantar com a banda." A minha veia de artista precipita-se e diz "Claro!"
Bem, no dia a seguir, lá fui, ter com a banda, ao nosso local de ensaio. A minha voz perra, as letras completamente esquecidas e erros, insegurança e paciência não faltaram. Mas pronto. Terminado o ensaio de Quinta-Feira, ficámos de ensaiar Sábado, como último ensaio, seguido do sound check. Lá ensaiámos e desta vez já havia mais à-vontade e um bocadinho mais das músicas sabidas. Chegadas aí as cinco horas, lá começámos a desmontar o material. Chegámos ao bar, montámos o material de novo, checkou-se uma música ou outra e bora comer. Já no McDonald, o sítio de eleição para jantar, mesmo para aproveitar as promoções daquele livrinho pequenino, pedi ao rapazinho que lá estava para me trocar o ketchup pela maionaise. Eis a resposta "Tem de dar mais 0,15€" e eu, claro "Então não dou?". É daquelas coisas que dá vontade de pedir o livrinho de reclamações. Estúpido!

Já com mais calorias no estômago, lá fomos vestir, despachar. Em casa do Tiago, conheci a tia dele, uma velhota que ficou super encantada. Depois de me maquilhar, claro, reparei que pusera mais blush de um lado da cara que de outro... Mas whatever. Lá voltámos ao bar, e claro, tem de começar a chover. Eu de saltos altos, a fugir da chuva para não encaracolar o raio da franja (mas que raio de ideia tive eu ao cortar isto assim...) e me tornar uma espécie de caniche... Só filmado mesmo. Mas pronto...

22h.30, 22h.45, 22h.55.. Até que começa a ouvir-se a minha voz. E foi óptimo... Adoro mesmo actuar. É o que gosto de fazer. Entreter, contactar com o público. E surpreender-me a mim mesma, mesmo que pela negativa, ao pensar "Bela m**** de actuação."

Mas é com a prática que se aprende, e bem ou mal, diverti-me, contactei com gente muito porreira, recebi elogios, propostas, e, vá lá, fiz algo diferente.

Obrigado a todos. :)

Sem comentários: